Caso clínico foi realizado na clínica de Periodontia da UNISC
pelo Acadêmico Rogério de Castro Gigoski ( 7º Semestre – 2002)

Relato de Caso – Paciente em Tratamento Periodontal


Paciente R. C. G., sexo masculino, 71 anos, aposentado, compareceu à Clínica da UNISC para atendimento odontológico. Sua queixa principal era o mau hálito que apresentava, e sangramento ao escovar os dentes.


Aos exames realizados na Primeira consulta notamos a precária condição de higiene bucal, com inflamação generalizada dos tecidos gengivais. Apresentava mobilidade no dente 22, características gengivais edentoras; bolsas periodontais de média (4 – 7) a profundas (8 – 10). Presença da Halitose.


Ao realizarmos o exame de Profundidade de Sondagem, teve a presença de exudato em todos os dentes examinados e com bastante acúmulo de Biofilme; No Levantamento Radiográfico (Radiografias Periapicais). Lesão endoperio Verdadeira no dente 22, onde foi encaminhado para que fosse realizado o Retratamento deste elemento. Necrose pulpar no dente 12, onde foi encaminhado para que fosse realizado o tratamento endodôntico deste elemento.


Diagnosticamos um quadro de periodontite crônica generalizada e informamos o paciente sobre seu estado clínico e salientamos a importância da sua colaboração para o sucesso do tratamento. Solicitamos exame hematológico com vistas a dosagens da glicose, tempo de sangramento, tempo de coagulação, tempo de protrombina, onde os resultados encontravam-se dentro do padrão normal, com base nos resultados Hematológicos, descobrimos que era um paciente Diabético Compensado.


Iniciamos os procedimentos periodontais básicos, constituindo de raspagem e curetagem, complementados com a orientação sobre higiene da boca e dos dentes seguidos da Motivação.


Realizamos Raspagem Supragengival do Arco Superior e Inferior, seguido da Orientação de Higiene Oral (OHO) das áreas raspadas. Deplacagem das outras áreas e aplicação tópico de flúor.


Dividimos a arcada dentária em quadrantes para realizarmos a raspagem subgengival e facilitar o tratamento periodontal, seguido da deplacagem das áreas raspadas; OHO; Deplacagem das outras áreas. Aplicação tópico de flúor. Motivação.


Paciente encontra-se em tratamento e está satisfatoriamente respondendo as orientações de higiene oral. Até o presente momento o paciente apresenta uma melhora, pois a doença periodontal está sendo controlada.

Procedimento clínico realizado

Mensagem Final( Conclusão)

1