Serviços Públicos no Brasil:
Mudanças e Perspectivas

Bruce Baner Jonhson
Flávio Azevedo Marques de Saes
Hélio Janny Teixeira
James Terence Coulter Wright

O debate quanto às perspectivas dos serviços públicos brasileiros, onde questões como a escassez de recursos e a baixa produtividade quase sempre dominam os mais diferentes foros de discussão, ganha uma valiosa contribuição de professores e pesquisadores da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP, que há alguns anos têm estudado as múltiplas facetas que envolvem este polêmico tema.

Esses professores vêm analisando o assunto desde a década passada, compartilhando a concepção quanto a necessidade de uma abordagem que supere emoções, ideologias e interesses particulares. No primeiro semestre deste ano, elaboraram o livro "Serviços Públicos no Brasil - mudanças e perspectivas", no qual buscam analisar as mudanças e perspectivas do setor, enfatizando as questões referentes a concessões, regulamentação, privatização e possíveis ações para melhoria da gestão pública. Todos os autores pertencem ao quadro de docentes da FEA/USP: os professores Hélio Janny Teixeira e James Wright são do Departamento de Administração e também Diretores da FIA/USP; o professor Flávio Azevedo Marques de Saes leciona no Depto. de Economia e o professor Bruce Baner Jonhson atua como Coordenador de Projetos na FIA/USP.

Este estudo se propõe a examinar as propostas mais comuns em discussão na sociedade, extrair elementos plausíveis e viáveis de aplicação e explicitar as relações entre as diferentes alternativas. Tais abordagens são contextualizadas numa ampla exposição teórica e histórica que ajuda a identificar virtudes e vícios. A obra traz, então, novas propostas que aproveitam aspectos úteis a fim de propiciar à sociedade meios para a busca de soluções eficazes no plano econômico e factíveis no plano político.

Entre as alternativas para o gerenciamento dos serviços públicos no Brasil, encontra-se a avaliação de que privatização e aperfeiçoamento da gestão das empresas estatais não se excluem mutuamente e devem ser consideradas como formas de enfrentar dificuldades específicas. Sugere-se, ainda, que a necessidade de mudanças no regime de concessões pode conviver, por exemplo, com a implantação de contratos de gestão entre governo e empresas estatais.

Deve se perceber que a tentativa de encontrar uma solução para a melhoria dos serviços públicos e sua implantação não se trata de um processo simples. Entidades governamentais, empresas privadas, trabalhadores e usuários terão que debater suas prioridades e buscar soluções consensuais para a resolução de problemas que demandam urgência.

Este livro se propõe ser um veículo de novas idéias que subsidiem discussões mais ponderadas e evitem colocações equivocadas que só comprometem o encontro de soluções plausíveis. Os autores não oferecem respostas prontas para problemas estruturais tão complexos. O que entendem, é que soluções neste setor só serão possíveis, efetivas e eficazes, após prolongado processo de reflexão, experiências e negociações.


Serviços Públicos no Brasil: Mudanças e Perspectivas
Autores: Bruce Baner Jonhson, Flávio Azevedo Marques de Saes, Hélio Janny Teixeira e James Terence Coulter Wright
Editora Edgard Blücher Ltda., São Paulo, 1996, 153 páginas

Contato com os autores:
Tel.: (011) 212-8744 ou 815-0291
E-mail: janny@usp.br
           jtwright@usp.br

1