ANOTAÇÕES

As Aventuras da Liga Extraordinária

Por Jess Nevins (jjnevins@ix.netcom.com)

Esse texto é divulgado com a permissão do Autor. Thanks, Jess!


Capítulo III: Mistérios do Oriente


Capa

O design da capa parece bastante com o estilo das capas dos quadrinhos dos anos cinquenta. O dragão chinês que confronta a Liga representa o Doutor, citado na última edição. Os chineses (geralmente os asiáticos orientais) têm uma certa tradição quanto ao uso e representação de dragões dentro da arte, em ornamentos e em estruturas. Por exemplo, um dragão de três garras é usado por pessoas comuns; o de cinco garras, como o que aparece na capa, é exclusivamente reservado para o uso de imperadores e como representações ou instrumentos de divindades e deuses.


Página 1, quadrinho 1

Uma indicação adicional de como Mina Murray se distanciou do ideal de feminilidade adequada ao estilo vitoriano é visto aqui: ela está fumando! Simplesmente não se permitia que uma mulher fumasse em público dentro da sociedade vitoriana; embora algumas poucas mulheres fumassem, era costume ser feito em segredo, com uma amiga; uma mulher que fumasse era considerada volúvel . Da mesma forma, não se fumava ou até mesmo se pedia para fumar na companhia de damas; alguém sempre se desculpava na presença delas para desfrutar um charuto ou um cachimbo.


Página 1, quadrinho 2

As palavras de Griffin é uma referência ao início do capítulo 27 de O Homem Invisível:

O jogo só está começando. Não há nada agora, mas começa o Terror. Isso anuncia o primeiro dia do Terror. Port Burdock não está sob as ordens de sua Rainha, diga a seu coronel da Polícia, e ao resto deles; Só obedeço a mim mesmo - o Terror! Este é o dia do ano de uma novo época - a época do Homem Invisível. Eu sou Homem Invisível Primeiro.


Página 2

Note as tábuas da mesa usada pelos integrantes da Liga. Hispaniola 1760 e a Ilha do Esqueleto são referências a Treasure Island (A Ilha de Tesouro) de R.L. Stevenson; o Hispaniola foi o nome do navio no qual Jim Hawkins navegou, e A Ilha do Esqueleto foi o destino para o qual o Hispaniola, Jim Hawkins, Long John Silver e todo o resto viajaram. Embora a data exata dos eventos ocorridos em A Ilha de Tesouro não seja determinada, foram após de 1745, como visto no texto, e 1760 parecem um ano bem provável para esses eventos.


Página 3

Griffin, em O Homem Invisível, entra em uma loja de provisões para teatro e adquiri certos materiais com os quais ele usa para transitar entre as pessoas. Presumivelmente ele adquiriu a habilidade de se cobrir com maquiagem nessa ocasião.


Página 4, quadrinho 4

As erupções em Marte aconteceram no primeiro capítulo de War of the Worlds (Guerra dos Mundos) de Well. O famoso astrônomo Ogilvy acreditava que elas poderiam ser de natureza vulcânica - ou os impactos de uma chuva de meteoros em Marte - mas eram o anúncio da invasão marciana à Terra.


Página 5, quadrinho 1

O primeiro estandarte se traduz como geografia, academicamente falando. O segundo se traduz como livro.

A escrita chinesa usada nessa edição é uma escrita simplificada da que é usada atualmente. As modernas cidades de Hong Kong e Taiwan, por exemplo, ainda usam a escrita chinesa antiga. Só recentemente Beijing tem inposto a escrita simplificada como prática geral. Como a história da Liga acontece nos últimos anos do século XVIII, o uso deste tipo de escrita simplificada pode ser considerada como um erro, mas não é nada que possa tirar nosso sono, certo?

Definitivamente, o idioma é mandarim (Hoje chamado Putonghua, dialeto de Beijing, ou Guoyu, em Taiwan), escrito (de maneira anacrônica) com os modernos caracteres simplificados introduzidos pelo PRC em 1954. Faz sentido que o Doutor fale mandarim, já que ele era um Manchu (Fu Manchu), grupo que regeu a China durante a Dinastia Qing (leia-se ching) que durou de 1644 a 1911. Também é chamada de Dinastia Manchu.


Página 5, quadrinho 2

Na parede, lê-se Doutor.


Página 5, quadrinho 3

Quong Lee
foi uma criação de Thomas Burke para uma série de histórias curtas que depois apareceram nos livros The Song Book of Quong Lee of Limehouse (O Livro de Melodias de Quong Lee de Limehouse), de 1920, e Pleasantries of Old Quong (Brincadeiras do Velho Quong), de 1931, como parte da série Limehouse, de Burke; Quong Lee era um sábio ancião chinês, semelhante a Charlie Chan. Os ideogramas na placa dizem o mesmo que as palavras em português.


Página 6, quadrinho 1

No estandarte, lê-se Chá.


Página 8

Para informações sobre Rotherhithe e a ponte Rotherhithe , veja as anotações da página 15, Quadrinho 3.


Página 8, quadrinho 5

A ponte leva um anúncio de Fry's, um fabricante britânico de alimentos. A linha de produtos mais conhecida do Fry's são os doces turcos do Fry’s. Mas não pude encontrar nada sobre o anúncio Pear's, no ônibus.


VOLTAR ------------- 2 DE 3

 

 

 
 
 
1 1