LINHAS DE PESQUISA E PROJETOS DERIVADOS EM ANDAMENTO - Clique na linha para ver detalhes e pesquisas concuídas

1- Respostas bioquímicas ao exercício físico
  
     * Curva glicêmica no treinamento de endurance
          * Curva glicêmica na musculação relacionada ao tempo
de ingesta de nutrientes.
          * Dano muscular em dois métodos de treino de musculação monitorado pelas enzimas creatinoquinase e lactatodesidrogenase.

2- Eficácia dos suplementos nutricionais
         *  Efeito agudo da suplementação de creatina em jovens.
3- Respostas cardiovasculares ao exercício resistido.
          * Estudo da FC, PA e duplo - produto na musculação isoladamente e combinada com exercício aeróbio.
4- Exercício físico nas doenças cardiovasculares.
          * Investigação da resposta hipotensora ao exercício físico em hipertensos e normotensos.



DISCIPLINA DE TREINAMENTO DESPORTIVO
Cronograma
Material de aula - Treinamento I
Notas Treinamento I

Material de aula - Treinamento II
Cronograma Treinamento II
Notas Treinamento II
DISCIPLINA DE MUSCULAÇÃO

Cronograma e material de aula
Notas


PROF. Ms. ALEXANDRE SÉRGIO SILVA  -  UFPB
ass974@yahoo.com.br
DOWNLOADS
Programas e animações
FALE COM O PROFESSOR
ARTIGOS GRATIS

Treinamento Desportivo - Revista Brasileira de Treinamento Desportivo

Fisiologia do Exercício - American Society of Exercise physiologists

Nutrição: Muito sobre suplementação - International Society of Sport Nutrition

Temas variados Educação Física e esportes - EFDEPORTES

Epidemiologia: Exercício x saúde, nutrição - Cadernos de Saúde Pública




TEMAS INTERESSANTES
MUSCULAÇÃO
Revisão dos conceitos sobre volume de trabalho na musculação x hipertrofia. Dados atuais indicam que treinamento de baixo volume é tão eficaz quanto super-séries.
LINKS

CNPq
CREF / CONFEF
LIVRO DE ANATOMIA DE GRAY
O conhecido livro de anatomia de Hanry Gray, está na internet. E melhor, COM ACESSO GRÁTIS.
Está em inglês, mas as figuras podem ser muito bem aproveitadas.
RESISTÊNCIA AERÓBIA EM DESPORTOS COLETIVOS
O princípio da especificidade tem sido cada vez mais adotado no esporte. Este artigo relata a experiência de um programa de treinamento realizado no TREZE F. C.,onde conseguimos manter níveis de VO2 max ideais mesmo com treinos apenas de característica anaeróbia (pliometria, velocidade e tolerância lática.
ÁCIDO LÁTICO NÃO É O VILÃO
Tenho falado muito sobre dados recentes que sugerem fortemente que não é o ácido lático quem provoca aquelas dores musculares (acidose), durante o exercício intenso. Pelo contrário, a reação do piruvato a lactato minimiza a acidose, pq consome dois prótons (Robergs, 2001). Agora o mesmo autor vem comfimar esta hipótese. Veja o resumo original e a tradução. Interessados em adquirir o artigo completo de 2001, mande e-mail (clique no link FALE COM O PROFESSOR no lado esquerdo desta página).
O VINHO E O CORAÇÃO
Texto da equipe do INCOR,  mostrando o mecanismo da arterosclerose e a participação do vinho na prevenção deste processo degenerativo da artéria.
DOR MUSCULAR DE INÍCIO TARDIO- DMIT
As conhecidas dores  que surgem cerca de 8 horas após o exercício e se intensificam com 24 horas são analizadas aqui. Não é somente o dano muscular consequente da fase excêntrica que causa a dor. Veja o mecanismo da DMIT clicando aqui.
SUPLEMENTAÇÃO DE CARBOIDRATOS
A despeito da controvérsia sobre a necessidade de suplementação, existe consenso sobre a eficácia dos CBO. No entanto alguns cuidados devem ser tomados para evitar efeitos colaterais como distúrbios gastrointestinais.  Clique aqui e veja mais informações.
CURSOS DE EXTENSÃO
Material de curos que foram realizados

HIPERTROFIA E RECURSOS ERGOGÊNICOS


FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO


CARDIOPATIAS E EXERCÍCIO FÍSICO
GRADUAÇÃO
Esta página foi visitada
vezes desde abril/2006
HIPERTROFIA COM CARGAS DE 50% DE 1 RM
O conceito de treino metabólico vem sendo cada vez mais difundido na musculação. Este estudo mostrou que o trinamento com cargas de 50% de 1 RM com intervalos curtos (apenas 30seg), promoveu significativa hipertrofia, mesmo em sujeitos treinados. Isto se confirma com outro estudo em que sujeitos realizaram exercícios seguidos de oclusão vascular. A carência de circulação provocou um estrese metabólico que fez o músculo responder com hipertrofia.
COMPORTAMENTO GLICÊMICO NA MUSCULAÇÃO
A bioquímica pode trazer valiosas informações para o técnico desportivo. Neste estudo, praticantes de musculação realizaram treinamento com e sem ingesta de maltodextrina ou lanche tradicional. Evidenciou-se que a glicemia não cai a valores proxímos a hipoglicêmicos mesmo sem qualquer alimentação. Inclusive, ocorreu um grande aumento, mesmo durante o treino, quando os praticantes foram suplementados com maltodextrina.
BAIXE ESTE ARTIGO
O QUE É DOMÍNIO MIONUCLEAR (DM)?
Muito se tem perguntado sobre isso. DM corresponde à uma área do sarcoplasma até onde os RNAm  podem atuar para a continuação do processo de síntese protéica. Daí uma das importâncias de a célula muscular ter muitos núcleos, e bem distribuidos, pois esta área é limitada para cada núcleo.
   Linhas de pesquisa           Treinamento Desportivo I           Treinamento Desportivo II             Musculação             Dowloads
DISCIPLINA DE FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO
Cronograma
Material de aula
Notas
1