o   boxer

              Um dia o criador descansou de seus afazeres, e foi esculpir um animal que fosse a semelhança de sua alma, e deu o nome de cão, como amigo fiel do homem, e com a perfeição de um dos exemplares da raça do qual viu a satisfação de alegria do olhar de sua face chamou de Boxer, mais a injustiça, a inveja, a arrogância e o orgulho de outras raças tentou empurrar a mão do criador ao erro, mesmo assim a perfeição fez nascer à raça BOXER, seu porte majestoso, seu corpo esculpido, forte e musculoso, seu maxilar quadrado, uma beleza de atleta, uma estrutura de lutador, seu pelo curto, macio e brilhante, com sua cabeça elegante e o contorno retangular, a sutileza de seus passos, jamais foi desapercebidos em lugar onde passar, o conjunto desses grandes valores arquitetônicos feito pelo criador, forma a raça BOXER, que só sabe quem cria ou possui um Boxer,  satisfazendo as brincadeiras de uma criança que a chama de BABÁ, um perfeito animal para a função de defesa e o amor ao homem em geral.

                        O boxer é um cão perfeito que não gosta de esta só, sempre alegre adora companhia principalmente de criança protegendo e brincando, mesmo com suas feições de mal é um verdadeiro amigo, jamais morde um amigo seu, sempre presente e participando das atividades dos seus amigos, muito limpo, bastante silencioso, ocupa pouco espaço, adaptável a vida urbana, sociável e a qualquer modo de vida desde do apartamento ate o campo, um cão controlado e alerta ao menor movimento ou som estranho, estando sempre alerta quando parte para ação, jamais agride sem ter razão para tal, por isso é caracterizado como um ótimo cão de guarda, um defensor enérgico e equilibrado.

                             Nunca foi um cão da moda, mais sempre teve entre os dez mais bem classificado em qualquer atividade, para isto tem um publico certo e apaixonado, ate que para a raça é um privilégio, pois não atrai o fascino dos vendedores de cães, apesar de no Brasil a moda da importação esta contagioso, fazendo um verdadeiro desequilíbrio, tornando perigoso para a criação. Pois estamos muito mais preocupados em ser proprietário do que criador, para a raça é bom lembrar que o plantel faz parte de uma criação geneticamente organizada e para o proprietário é só pensar sempre no seu orgulho de vencer.

 

 

 

 

 

 

 

 

* figaro  *

successful with emy lever

parque cinofilo silvio azevedo pernambuco

 

faon dugran

filho de figaro

renato mendes e ma cherie dugran

o boxer historia da raça boxer canil porcht matrizes padreadores filhotes cruzamentos

e-mail

1