Canção da profecia

Quando a alvorada anunciar:
luminosidade nas entranhas da terra,
liberdade na criação dos sonhos,
eternidade na vivência do amor,
os riachos cantarão a canção dos anjos,
os pássaros afinados farão coro,
as crianças alegres dançarão.
Os homens em sintonia,
envoltos em fluidos coloridos
de uma energia maior,
elevarão seus pensamentos e,
num clima de fertilidade,
plantarão mudas de esperanças,
acenderão archotes
e vigiarão... em oração.
Vestidos de luz,
num abraço universal,
irradiarão amor
e uma grande paz envolverá o mundo.
Então, será Natal!

 

 

1