Encochada no Onibus com Muito Prazer

Encochada no Ônibus com Muito Prazer

 
By: janice
Ola, meu nome e janice, tenho 21 anos e o que eu vou contar e fruto de muita curiosidade que sempre tive ao ler os contos desse site, pois sempre tive vontade de experimentar a excitacao de ser encoxada em um onibus cheio, pois bem vamos ao que interessa. Procurei fazer uma pesquisa bem detalhada pra saber qual o onibus que lotava mais e numa bela manha de muito calor, inventei uma desculpa e nao fui trabalhar. Coloquei uma roupa social bem apertada, daquelas que a calca, de tao apertada chegava a exibir a divisao dos labios da minha xaninha e uma blusinha curta deixando bem evidente o volume dos meus seios. Entrei no onibus quando ele estava vazio porem ja nao havia mais nehum banco pra sentar (era justamente o que eu queria)Logo que entrei fui logo la pro fundo do onibus. Abri uma lata de refrigerante e fingi que era um dia comum como outro qualquer. Fui percebendo que todos os homens que entravam ja iam tomando posicao perto de mim e aquilo ja foi me deixando excitada. Finalmente o onibus ficou completamente cheio e comecei a sentir um homem se encostando atras de mim e a cada curva, a cada freada eu ia sentindo algo ficar cada vez mais duro rocando em minha bunda. Em determinado momento eu nao aguentei e tive que matar a minha curiosidade, levei a mao atras de mim fingindo ajeitar algo em minha calca e passei a mao naquela maravilha. Que cacete imenso, duro, pulsando de tanto tesao. Aquela impressao de que ninguem nos veria, pois o onibus estava muito cheio, nos excitou ainda mais, foi quando entao que um outro rapaz que estava a minha esquerda, percebendo tudo, colocou a mao na minha cintura e foi subindo ate chegar nos meus seios e comecou a alisar e apertar os bicos, mas infelizmente chegou a hora dele descer. Eu ja tava ficando louca de tesao quando o onibus deu uma freada muito forte, olhei pra tras pra pedir desculpas, foi entao que eu percebi que o meu "amigo" tinha tirado o pau pra fora da calca. Nossa, pude ver aquela coisas linda com cabeca vermelha, ele realmente era bem-dotado (acho que so a cabeca devia medir uns 6cm). De vez em quando eu fingia que ia ajeitar de novo algo na calca e tocava uma punhetinha bem rapida pra ninguem perceber e adorava ver os olhos dele se revirando de prazer. De repente o onibus passou por um lugar que estava acontecendo uma briga entre dois motoristas, a situacao atraiu atencao das pessoas e eu me aproveitei que todos estavam olhando pra rua e comecei a bater uma punheta mais forte e mais rapida naquele caralho imenso. Quando percebi que ele ia gozar, direcionei a cabeca do seu cacete na abertura da lata de refrigerante e fiquei admirando os varios jatos de porra quente que foram entrando pra dentro da lata, isso tudo no maior silencio pra nao chamar atencao. Chegamos ao ponto final, trocamos telefones e fui embora. Ate hoje nos somos grandes amigos de encoxadas no onibus.

E-mail= janicetarada@hotmail.com
1