Loja Maçônica Deus e Amor

Or.·. de Santo Antonio de Jesus - Bahia

 

ATA Nº 1

Ata nº 1

Á Gl.·.do Gr.·. Arq.·. do Univ.·.

Ata da instalação e fundação da Loja Maçônica Deus e Amor, ao Or\ de Santo Antônio de Jesus.

Em 12 de Novembro de 1946 E.·.V.·.

 

Aos 12 dias do mês de Novembro do ano de 1946, E.·.V.·., nesta cidade de Santo Antônio de Jesus, à rua Rui Barbosa nº 70, às 20 horas, presentes os IIr\ abaixo assinados, tomaram os lugares de Ven.·. o Ir.·. João Batista da Silva, 1º Vig.·. Eduardo Souza Almeida; 2º Vig.·. o Ir.·. Luiz da Veiga Argolo; Orad.·. o Ir.·. João Delfino dos Santos; Secr.·. o Ir.·. Flávio Henrique de Andrade; Tes.·. o Ir\ Trajano José de Andrade; Chanc.·. o Ir.·. Rosalvo  Almeida Fonseca. O Ir.·. João Batista da Silva tendo exposto o motivo da presente reunião, que era a instalação de uma Loj.·.  neste Or.·. foi unanimemente aceito.

1º. Que a Loj.·. solicitasse sua regularização à Grande Loja da Bahia.

2º Que adotasse para seu título distintivo o nome “Deus e Amor”.

Usou da palavra o Ir\ Climério Queiroz propondo que fosse estabelecido a joia para os IIr\ fundadores no valor de $ 500,00, ficando acertado que os mesmos poderiam recolhê-la aos cofres da Loja: no todo ou em parcelas, não excedendo o prazo de cinco meses. O Ir\ Ven\propõe que fosse distribuídas listas de donativos para auxilio da instalação do Temp\ a circular entre maçons , o que foi aprovado, como também foi o dia de Quinta feira para a realização das sessões. Ficou também deliberado que fossem tomadas providências para aquisição das alfaias necessárias. O Ir\ Climério Queiroz propôe que fosse nomeada uma comissão para tratar da aquisição de um prédio para instalação do Temp\ Aprovada a proposta ficou assim nomeada a comissão: Ir\ Climério Queiroz, Dr. Rosalvo Almeida Fonseca e Mário Guimarães, aliás Mário Bitencourt. O Ir\ Altamirando de Oliveira pede que o Ir\ Mário Bitencourt seja o intérprete da  Loj\ nos agradecimentos ao Ir\ Aguinaldo Marques Lobo, Ven\ da Loj\ Força e União 2ª e representante do Seren\ Grão Mestre Francisco Pinto de Souza, pelo seu trabalho de coordenação e animação aos Obr\ desta Loj\ para sua instalação. O Ir\ Aguinaldo Marques Lobo agradece as palavras que lhe foram dirigidas e diz do seu contentamento e alegria em ver, hoje, instalada a Loja Deus e Amor, como também agradece a todos os Ir\ a maneira cativante a cavalheiresca como foi recebido e acolhido neste Or\. O Ven\ Mest\ convida aos IIr\ para aplaudir pela tríplice bateria a presença do Ir\ Aguinaldo Marques Lobo o que é feito, tendo o mesmo agradecido pela mesma forma, com o Ir\ Mest\ de CCer\ são cobertos os aplausos. O Ir\ Climério Queiroz apresenta felicitações em nome de sua Loj\ Mater Aliança Universal. Os IIr\ Agnaldo Marques Lobo, Eduardo Almeida, João Correia de Melo e Quessino  R. Côrtes felicitaram esta Loj\ em nome de suas LLoj\ Força e União 2ª, Liberdade, Acácia Bahiana e União Beneficente. O Ir\ Aguinaldo Marques Lobo diz que rejubilando-se pela instalação da Loj\, felicita o Ir\ João Correia de Melo pelo seu trabalho de coordenação dos IIr\ deste Or\ para esse fim, onde demonstrou dinamismo e verdadeiro espírito maçônico, e como homenagem ao mesmo propunha que seu nome fosse o número um do cadastro da loja a ser criado o que foi aprovado sob aplausos

Assinada pelos presentes.

 

<<

 

Construção:  Ir.∙.  Renato Burity Oliveira  M .∙.  M .∙.

Copyright  ©  2004  - Loja Maçônica Deus e Amor nº 21

Filiada à Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia

1