historia........ discos e cd's........ frases........ a banda........ letras........ principal........ curiosidades

Curiosidades - Silverchair



- O Ben e o Daniel eram proibidos de daar entrevistas juntos por um tempo, porque em 95 eles resolveram ignorar o entrevistador e conversar entre si a entrevista inteira

- Em 1996 dois adolescentes mataram os pais e processaram o silverchair, pois diziam ter sido movidos pela música "Israel's Son". O silverchair foi inocentado, e existem rumores de que Ozzy Osbourne tenha dado depoimentos defendendo eles (???)

- "Stranger Than You" era o título de ""Findaway" antes do lançamento do frogstomp. "The Door" se chamava "The Poxy Song", "Lie To Me" era a "Punk Song #1" e "The Closing" se chamava "Cat And Dog" antes do lançamento do Freak Show

- As orquestras de Van Dyke Parks para o Diorama deram trabalho. Na primeira sessão de gravação, dois pássaros invadiram o estúdio, deixando Daniel Johns desesperado - não pela música, mas pelos pássaros, que podiam se machucar

- E piano de "Emotion Sickness" é tocaado por David Helfgott, o pianista esquizofrênico que foi a inspiração do filme ganhador do Oscar "Shine - Brilhante"

- "Ana's Song" foi a última música gravvada para o Neon Ballroom, porque o Daniel tinha receio de mostrar essa música

- Uma vez 3 garotas roubaram $26,000 doos pais para poderem ver o silverchair, mas elas foram pegas e no fim não viram a banda

- O John Watson, empresário da banda, ppensou que a música "No Association" do Freak Show fosse pra ele, o que é bem engraçado considerando a letra da música

- Em 97, quando gravavam os b-sides do Freak Show em New York o Daniel e o Chris saíram do estúdio e embarcaram numa famosa tradição nova iorquina: comprar Rolex falsos. No final das contas eles importunaram tanto o coreano da lojinha que foram expulsos a gritos de "fora da minha loja!"

- Benji, de uma banda de "pop punk" muiito famosa nos Estados Unidos chamada Good Charlotte é super fã do silverchair e tem os dançarinos do Neon Ballroom tatuados no braço. No single de "Lifestyles of the rich and famous" eles fazem um cover de Cemetery acústico, e eles também agradecem ao silverchair no seu último cd "Good Charlotte", dizendo que se não fosse pelo silverchair eles não teriam tido coragem de formar a banda aos 15 anos

- A Natalie Imbruglia agradece ao Danieel no encarte do cd "White Lilies Island"

- Quando ainda estavam na escola, eles tiveram que fazer entrevistas com pessoas para um trabalho. Daniel, Ben e Chris pegaram uma câmera e foram pra um aeroporto. No aeroporto eles fizeram o seguinte: Ben ligava a câmera e Daniel perguntava "você tem pênis grande ou pequeno?" e eles desligavam a câmera e perguntavam pra qualquer pessoa "você prefere vôo grande ou pequeno?" e ligavam a câmera de novo bem na hora que o cara respondia "pequeno"...

- O nome da banda, ao contrário do que muita gente pensa, não foi tirado das músicas "Sliver" (Nirvana) e "Berlim Chair" (You Am I). Essa foi uma historinha que eles inventaram porque não tinham nada pra contar quando perguntavam de onde vinha o nome e eles queriam parecer interessantes. A verdade é que quando eles foram gravar o "Tomorrow EP" o John Watson (empresário) disse "se vocês quiserem mudar o nome da banda, essa é a hora". Como eles achavam que "The Innocent Criminals" era um "nome de bebê", fizeram uma lista de nomes e "silverchair" foi o que soou melhor

- "Silverchair" se escreve com letra miinúscula porque a banda "não é especial", mas agora, depois do Diorama os caras disseram que se escreve "Silverchair" pra mostrar que essa é uma fase diferente da banda

- No primeiro show do silverchair os meeninos estavam tão tímidos que discutiram pra ver quem entrava primeiro no palco e quando finalmente estavam lá em cima, o Daniel cantou olhando pra parede porque não tinha coragem de encarar a platéia

- Outro dos primeiros shows que a bandaa fez foi em uma feira de rua e eles tocaram só covers de Deep Purple, Black Sabbath e Led Zeppelin. O show não durou muito porque um cara reclamou "se vocês não pararem com esse barulho eu chamo a polícia". Eles pararam, mas pelo menos foram pagos (10 dólares), que era o que eles queriam

- Em 1995 o silverchair foi convidado aa participar do Big Day Out, um festival de música da Austrália que passa por várias cidades. Eles foram convidados a se apresentar no palco maior, mas preferiram um dos palcos menores. O grande problema foi que o silverchair acabou atraindo 15,000 pessoas pros shows, sendo que o máximo suportado era 5,000

- Courtney Love, que tocava depois do ssilverchair no Big Day Out entrou no palco e disse "então esse menino parece com o meu falecido marido Kurt e canta como o Eddie Vedder... que idiota" Daniel jurava de pés juntos que Courtney não fez nada no backstage, simplesmente ficou olhando "que nem uma retardada" pra ele na porta do camarim

- Existem rumores de que o Hole e o sillverchair viraram amigos mais tarde, e que inclusive a Courtney convidou os caras pra sua festa de aniversário. O que se sabe é que a baixista do Hole, Melissa, subiu no palco em 1999 e comentou "como o vocalista do silverchair ficou bonitinho", e eles foram vistos assistindo um ensaio do silverchair (foto)

- Em 1996 o Daniel foi acusado de seguiir uma prostituta (Paula Gai Knightly) até o bordel. Ela disse que ele só tinha olhos pra ela e que ameaçava matar ela desde que ela recusou suas propostas, e que saía na rua gritando "eu te amo, Paula" e "Paula, Paula, eu quero fazer amor com você Paula". Mais tarde em julho ela disse que ele tinha chegado nela e avisado "eu sou um assassino. Eu vou te matar hoje á noite e eu vou gostar". Depois de todas as alegações, a polícia descobriu que o Daniel estava em turnê com o silverchair fora da Oceania e ele foi inocentado

- Um tempo depois surgiu outra mulher aalegando ter sido perseguida pelo Daniel. Emily Spencer disse que acreditava que o Daniel tinha comprado uma arma de fogo nos Estados Unidos e estava ameaçando ela de morte. Ela ainda disse que eles se conheciam desde 1995 e que o Daniel era amigo do namorado dela, e ficou "obcecado" por ela, a isolando dos seus estudos e dos seus outros interesses. O John Watson disse que o Daniel estava em turnê no Canadá e nunca tinha ouvido falar daquela mulher e deixou claro que não a tinha ameaçado direta ou indiretamente. As acusações foram mais tarde tiradas da corte e o Daniel ficou livre de qualquer acusação

1