ðHwww.oocities.org/br/eapsuper/amor_1gv2.htmwww.oocities.org/br/eapsuper/amor_1gv2.htm.delayedxÕJÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÿÈ0æž"hOKtext/htmlp¡¾:}"hÿÿÿÿb‰.HSat, 23 Dec 2000 04:23:39 GMTïMozilla/4.5 (compatible; HTTrack 3.0x; Windows 98)en, *‰ÕJ"h Dragon Ball Milênio

Amor - Namoros - Romances

A 1º vez de Gohan e Videl - parte 1

A 1º vez de Gohan e Videl - parte 2

 

A 1º vez de Gohan e Videl - parte 2

Gohan- Obrigado pai. Tenta demorar o mais tempo possível.

Goku- Deixa comigo.

Duas horas mais tarde depois de todos saírem:

Videl- Vou fazer ele sofrer um bocadinho.

Hércules- O que estás para aí a falar.

Videl- Nada.

Quatro horas mais:

Videl- Acho que já chega, vou-me embora, adeus papá.

Hércules- Ei...ei...onde vais com tanta pressa?

Videl- Vou treinar.

Hércules- Bom treino.

Gohan já estava dormindo, Videl entra em casa sorrateiramente, não vê luz no andar de baixo, decide subir, sobe devagarinho, vê luz no quarto de Gohan, Gohan estava deitado na sua cama em boxers, aos coelhinhos brancos, Videl aproxima-se dele e joga-se para cima dele:

Videl- BUU....

Gohan- AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA....

Videl- Tem calma, sou eu.

Gohan- Assustaste-me. Onde estivestes, estás seis horas atrasada?

Videl- Foi divertido não foi? Não tens ninguém em casa?

Gohan- Não, estamos por nossa conta.

Videl salta da cama, e põe-se aos pulos de tanta alegria.

Videl- Finalmente, sós, adoro a ideia, e tu não?

Gohan- Sim...uma boa ideia.

Videl começa a beijar Gohan na face, passando pelo pescoço, pelo peito, e depois tira a sua blusa, e os calções, ficando em soutien e cuecas.

Videl- Gohan, estás a tremer.

Gohan- Nã...não estooouu na...nada.

Videl- Toca-me.

Gohan engole em seco e leva a mão ao corpo de Videl, Videl agarra-lhe na mão e beija-a, Gohan começa a suar.

Videl- Tira-me a roupa interior.

Gohan- Tu...tu...tu queres que eu te tire...?

Videl- Sim, não tenhas vergonha.

Gohan- Ti..ti...tira tu...tu...tu...

Videl- Não tremas tanto, eu não te como.

Gohan- Nã...nã..não estou tremendo.

Videl começa a tirar a alça do soutien, e Son Gohan leva as mãos à cara e tapa os olhos, e Videl tira-lhe as mãos da cara suavemente.

Videl- Não tenhas vergonha de olhar.

Bem Son Gohan pouco a pouco foi perdendo o medo, começando a beijar a Videl, depois de estarem os dois nus, só se ouve os rugidos da cama, a casa começa a tremer, os pratos caiem ao chão, depois uma forte luz vindo do quarto do Son Gohan fez Goten acordar, que se encontrava em casa de Bulma com o Trunks.

Goten- Trunks, Trunks acorda! TRUNKS ACORDA!

Trunks- O que foi? Deixa-me dormir.

Goten- Não sentes a energia do meu irmão? Ele deve estar a combater.

Trunks- Sinto. Ele deve estar em perigo, vamos ver o que se passa.

Goten- Vamos.

No quarto de Gohan:

Videl- Calma Son Gohan.

Gohan- Eu tenho calma.

Videl- Estás a fazer a casa cair.

Gohan- Ela resiste.

Videl- Não me parece. Mais devagar.

Gohan- Se ela resiste com o meu pai, também registe comigo.

Depois disso mais rugidos se ouve a cama fazer, as paredes começam a rachar, e passado uma hora, as coisas acalmam.

Videl- Bolas Gohan! És fogo!

Videl e Gohan deixam-se ficar os dois juntos na cama abraçados, Goten e Trunks chegam a casa.

Goten- Começamos juntos e depois separamo-nos.

Trunks- Está bem, vai ver na cozinha, eu vou à sala.

Goten- Oh não!

Trunks- O que foi Goten?

Goten- A loiça da minha mãe está toda partida.

Trunks- Ops, ela se calhar foi raptada.

Goten- Vamos lá em cima, pode ser que esteja lá.

Trunks e Goten subiram muito devagar, pé ante pé.

Goten- Eu vou ver o quarto dos meus pais, e tu vais ao do meu irmão.

Trunks- Está bem.

Goten vai ao quarto dos pais e não vê lá ninguém, e depois vai ter com Trunks, que estava a demorar muito tempo.

Goten- Trunks o que estás a fazer?

Trunks- Pschiuu... fala baixo, e olha para ali.

Goten- É o meu irmão!?

Trunks- E está com alguém, parece uma moça.

Goten- Aproxima-se da cama de Gohan e acende a luz do candeeiro.

Gohan- Goten!?

Goten- Olá, mano.

Videl tapou-se com o lençol, e Gohan pediu explicações ao Goten.

Gohan- Explica-me o que estás aqui a fazer?

Goten- Eu pensava que precisavas de ajuda.

Gohan- Precisava de ajuda?! Para quê?

Goten- Eu acordei com a tua energia de super guerreiro, e pensei que estavas lutando.

Gohan- Pensastes mal, agora volta para a casa do Trunks, se não ficam preocupados convosco.

Goten- Está bem, vamos embora Trunks.

Trunks- Tu Sabes o que eles estavam a fazer?

Goten- Não sei, o meu irmão não disse, e o meu pai também não me diz nada, dizem que sou muito novo para isso.

Trunks- Eu sei.

Goten- Sabes, então diz lá.

Trunks- Bem, não sei exactamente, só sei que a minha minha mãe e o meu pai fazem isso quase todos os dias, a casa quase que vai abaixo.

Goten- Mas o que é que eles fazem?

Trunks- É isso que não sei, mas deve ser uma coisa boa, eles fazem repetem sempre.

Goten- Temos que experimentar.

Trunks- Isso mesmo, um dia temos que experimentar.

De novo no quarto de Gohan:

Videl- É melhor ir-me embora, se não os teus pais chegam.

Gohan- Fica mais um bocadinho.

Videl- Se tu queres.

Gohan- E porque não havia de querer.

Eles começam aos beijos outra vez, e de novo caiem na cama, passado meia hora, Videl veste-se e despede-se de Gohan.

Videl- Até amanhã, Gohan.

Gohan- Tchau...

Son Gohan deita-se na cama com ar de satisfeito e deixa-se de dormir, de manhã bem cedo, Kika faz o pequeno almoço para os seus comilões.

Kika- Meninos venham comer.

Goku- Paparoca, é o que eu mais gosto.

Kika- E o Gohan, não o fostes chamar?

Goku- Vai tu chama-lo, eu fico aqui a comer.

Kika vai ao quarto de Son Gohan, e vê a sua roupa toda espalhada pelo chão.

Kika- Son Gohan acorda, o pequeno almoço está pronto.

Gohan- Não me apetece, tenho sono.

Kika- Levanta-te, tens que ir para a escola.

Kika tira o lençol de cima de Gohan e repara que ele estava nu.

Kika- Son Gohan!?

Son Gohan puxa o lençol para ele, e fica vermelho.

Gohan- Estava com calor.

Kika tapa os olhos e sai do quarto.

Kika- Son Gohan, veste-te e vai comer para ires para a escola.

Gohan- Está bem mãe.

No andar de baixo:

Goku- Então o Son Gohan ainda estava a dormir?

Kika- Estava, e estava nu, ele não costuma dormir nu.

Goku- Deixa-o estar.

Passados alguns minutes.

Gohan- Bom dia pai.

Goku- Bom dia filho, e então a noite, foi boa?

Gohan- Logo te digo, quando a mãe for buscar o Son Goten.

Son Gohan estava tão distraído a pensar na noite que tinha passado com Videl que foi contra um poste.

Gohan- Aiiiiiiiiiiiiii, isto doeu.

Já na sala de aulas o professor estava a começar a aula quando Gohan chega.

Gohan- Desculpe o atraso, deixei-me dormir.

Profº- É engraçado a Videl disse a mesma coisa.

Gohan- Deve ser coincidência.

Bem depois disto tudo, a Videl e o Gohan ficaram com dificuldades em se encontrarem sozinhos, mas das vezes que se encontraram, uma delas deu origem à Pan.  

Fim...