Página Inicial

América-RN


Nome: América Futebol Clube (Rio Grande do Norte)
Alcunhas: Mecão
Torcedor: Americano
Mascote: Dragão
Fundação: 14 de Julho de 1915
Estádio: Machadão
Presidente: Gustavo Carvalho


História


A imprensa da época não tem registro. Os cartórios, muito menos, e nos arquivos do clube, nem se fala. Entretanto, sabe-se que o glorioso América Futebol Clube foi fundado no feriado de 14 de julho de 1915 – feriado nacional comemorativo à queda da bastilha – na residência do Juiz Joaquim Homem de Siqueira, situada na rua Vigário Bartolomeu, que posteriormente serviu de local para guardar o material do clube. A diretoria provisória formada por Francisco Lopes de Freitas, presidente; Oscar Homem de Siqueira, vice-presidente; Getúlio Soares Ferreira, orador; Manoel Coelho Filho, primeiro secretário; Napoleão Soares Ferreira; segundo secretário; José Fernandes de Oliveira, diretor de esportes; José Lopes Teixeira, tesoureiro e João Batista Foster Gomes da Silva, cobrador. Algumas decisões foram tomadas, como por exemplo: determinar que o clube teria o nome de América Football Clube, e que o traje seria jaqueta azul e o calção branco. A bandeira oficial seria azul, tendo no centro um círculo branco e sobre este, as letras AFC, não sendo discutido o estatuto do clube. Existem três versões sobre os nomes que fundaram o América. A primeira delas, do então Juiz de Direito de Acari, Dr. Oscar Homem de Siqueira, que nominou como 25 o número de fundadores. A segunda, divulgada na edição de 11 de setembro de 1983 de “O Poti”, consta uma relação de 27 pessoas, entre elas, Abel Viana, Antonio Rocha, Aníbal Ataliba, Aguinaldo Tinoco, Aguinaldo Câmara, Aguinaldo Fernandes, Armando Cunha, Augusto Servita Pereira, Caetano Soares Ferreira, Carlos Laet, Caos Fernandes Barros, Carlos Homem de Siqueira, Clóvis Fernandes, Francisco dos Reis Lisboa, Francisco Lopes de Freitas, Getúlio Soares Ferreira, José Artur dos Reis Lisboa, José Fernandes de Oliveira, José Lopes Teixeira, Lauro de Andrade Lustosa, Manoel Coelho Filho e Máeira e Sidrack Caldas. A terceira versão para a fundação do time rubro é bastante interessante. Consta que o Coronel Júlio Canavarro de Negreiros Melo, no dia 3 de junho de 1918, destruiu a única bola que o clube tinha para treinar e jogar, e aí, o América foi obrigado a possuir personalidade jurídica para poder entrar com uma ação indenizatória. Para tanto, registrou os Estatutos pela primeira vez no dia 3 de julho de 1918, no Primeiro Ofício de Notas, em documento assinado pelo então presidente Oswaldo da Costa Pereira.


Desempenho em Campeonato Brasileiro Série A


Ano Posição Ano Posição
2006 - 1988 -
2005 - 1987 -
2004 - 1986 44º
2003 - 1985 -
2002 - 1984 -
2001 - 1983 28º
2000 - 1982 34º
1999 - 1981 33º
1998 24º 1980 34º
1997 17º 1979 85º
1996 - 1978 60º
1995 - 1977 17º
1994 - 1976 34º
1993 - 1975 24º
1992 - 1974 32º
1991 - 1973 25º
1990 - 1972 -
1989 - 1971 -



Títulos


Títulos Nacionais:
Vice-campeão da Série B em 1996
Vice-campeão da Série C em 2005

Títulos Regionais:
Campeonato do Nordeste em 1998

Outros Títulos:
Torneio realizado no Maranhão- 1950
Taça Almir em 1973

Títulos Estaduais (RN):
Campeonato Estadual: 1919 - 1922 - 1924 - 1926 - 1927 - 1930 - 1931 - 1943 - 1946 - 1948 - 1949 - 1951 - 1952 - 1956 - 1957 - 1967 1969 - 1974 - 1975 - 1977 - 1979 - 1980 - 1981 - 1982 - 1987 - 1988 - 1989 - 1991 - 1992 - 1996 - 2002 - 2003
Copa RN: 2006


Site Oficial