<BGSOUND SRC="http://br.geocities.com/euosou2/autumnleaves.mid" LOOP=INFINITE>
NOSSO AMOR SOBREVIVEU
Por Nadir Vilela
NOSSO AMOR SOBREVIVEU


Como vens tão atrasado a  encontrar-me nesta  vida !...
Nossos destinos estão traçados, não haverá mais despedida.
A distancia nos separou,  levou pra longe você de mim,
E o tempo encarregou, nos dando o amargo e triste fim...

Mas agora nos encontramos, e nesta vida vamos ficar,
Vamos vencer todas barreiras, e o destino vai ajudar.
Olha em meus olhos tu podes ver, que esse amor ainda não morreu.
Mesmo que haja muitas outras vidas, será somente você e eu...

Eu te vejo como no passado, com a mesma força e o mesmo poder.
Assim eu sou como você, nem mesmo o tempo pode  nos vencer.
Tu tens nos olhos um amor infindo, que bem me fitas...Quero te amar...
Sinto no corpo a mesma chama, e nos teus braços vou delirar...

Sei que o destino atrapalhou, te mandou tarde não vou ligar.
Olho no espelho e vejo as marcas, traços do tempo a me perturbar.
Mas meu coração e de menina,e não se perde no escuro breu...
Você foi pra mim em outras vidas o único amor que me acendeu...

Não vou olhar as marcas do tempo, toda poeira vai abaixar.
A minha alma esta acesa, e nesta viagem vamos continuar.
A estrada já não e longa mais,e o caminho estreito está...
Mas nosso amor já sobreviveu outras passagens, e esta também vai suportar...
E numa curva imprevista em outra vida, iremos novamente juntinhos ficar...

Um amor como o nosso não se apaga, não sente dor!
A distancia no tempo realça as lembranças.
Nosso amor não e coisa do acaso, é promessa do criador...
Sobreviveu a desventura do tempo,como o sorriso de uma criança !


   
Autoria: Nadir Vilela
(direitos autorais reservados)
Em 19-06-2007  Brasil-Itatiaia-Penedo-RJ


*************

Página Inicial               Poesias
1