Georges Racz


Página oficial do fotógrafo - Presidente da ABAF (Associação Brasileira de Arte Fotográfica)



Página da ABAF: http://www.abaf.art.br



BIOGRAFIA

Georges Racz (Budapeste, Hungria 1937), formou-se em ciências sociais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro em 1964, quando já praticava a fotografia, passando a atuar como cineasta a partir de 1966. Desenvolveu intensa atividade didática, como professor de sociologia, de fotografia, de cinema e de artes visuais, tendo sido o responsável pela implantação dos cursos de fotografia do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, que coordenou entre 1972 e 1976. Teve papel importante na afirmação da fotografia como meio de expressão artística no país, em virtude da criação do grupo Photogaleria, em 1973, do qual foi presidente, e de sua atuação como crítico de arte, sobretudo na revista Visão, para a qual trabalhou entre 1976 e 1990. Expôs com freqüência nas décadas de70 e 80, tendo seu trabalho representado nas coleções do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e do Museu Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro (RJ), e do The Art Museum of Chicago (Estados Unidos).
Georges Racz é viúvo da professora Anna Maria de Paula Racz e é pai de Georges, Elizabeth, Renato e Roberto.


A "História Geral da Arte do Brasil", coordenada por Walter Zanini, no tomo II, pags.893 e 897 (pesquisada por Boris Kossoy), destaca a importância de Georges Racz no ensino diferenciado da fotografia no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e o impacto da Photogaleria, que ele ajudou a fundar e presidiu: "o papel (da Photogaleria) sw movimento de integração dos fotógrafos jamais foi igualado."
Em pesquisa do Instituto Itaú Cultural, sobre a fotografia no Brasil nos séculos XIX e XX, dirigida por Pedro Karp Vasquez e Rubens Fonseca, Georges Racz foi incluído na seleção dos 80 mais importantes fotógrafos do século XX.




FORMAÇÃO

  • 1957 - Rio de Janeiro RJ - Curso de jornalismo na Faculdade de Direito Cândido Mendes (extensão)

  • 1960 - Curso de fotografia na Associação Brasileira de Arte Fotográfica

  • 1964 - Rio de Janeiro RJ - Formado em ciências políticas e sociais pela PUC/RJ

  • 1983 - Rio de Janeiro RJ - Curso de extensão Pintura Brasileira no Século XIX, no Museu Histórico Nacional




    HOMENAGENS/TÍTULOS/PRÊMIOS

    • 1968 - São Paulo SP - Festival de São Paulo - Melhor Filme Brasileiro de Curta Metragem, "Maria"

    • 1968 - Medalha de Bronze no Salão Internacional Fotoarte

    • 1969 - Campinas SP - Salão Nacional de Arte Fotográfica, no MAC/Campinas - Menção Honrosa

    • 1969 - Rio de Janeiro RJ - Melhor Fotografia Cor do Ano - Melhor Conjunto de Fotografias do Ano, Melhor Ampliação Colorida do Ano - Abaf

    • 1971 - Prêmio Gaspar Gasparian de Dirigente do Movimento Fotográfico

    • 1973 - Nova York (Estados Unidos) - National Geographical Society of America - Prêmio de Melhor Ensaio Fotográfico

    • 1980 - Rio de Janeiro RJ - Moção - Voto de Congratulações pela Exposição na Galeria Rodrigo M. F. de Andrade, Funarte/Câmara Municipal do Rio de Janeiro

    • 1989 - Prêmio Melhores do Ano de 1989, como crítico de arte



      você é o visitante nº Counter





      Para uma comunicação rápida, mande um e-mail:



      Outras informações sobre o fotógrafo e crítico de arte Georges Racz, clique na máquina



1