SEGURANÇA NO OFF-ROAD

Nunca é demais falar a respeito e reforçar a idéia de que a segurança é o maior de todos os critérios que um Bom Off-roader deve seguir. Em competição ou não.

Vários acessórios oriundos de modalidades esportivas são fácilmente adaptáveis em carros usados sómente para trilhas, passeios e expedições. E o melhor, não custam tão caro assim e mesmo se custassem, existe preço equivalente ao de sua vida? Siga esses critérios e com certeza você irá enfrentar todas as aventuras mais tranquilo, e por consequência curtirá muito mais a viagem.

Vamos usar como exemplo o JEEP, que de longe é ainda o 4x4 mais utilizado no Brasil. Por se tratar de um carro de características muito simples, que enfrenta os maiores obstáculos e tem a aparência de indestrutível, as pessoas às vezes esquecem de conferir itens por vezes ultra-básicos. Para rodar por aí presume-se que o JEEP esteja com toda a parte elétrica em dia: Faróis, seta, freio, etc., e no mínimo que o carro esteja com o triângulo de emergência, extintor de incêndio, macaco e estepe também em ordem. O estado dos pneus, alinhamento e balanceamento, e principalmente a eficiência dos freios, são assuntos sérios demais e nem deveriam estar entrando nesse texto, imaginando que todos saibam de suas implicações.

O JEEP, assim como outros modelos conversíveis, tem sua parte superior muito frágil. Em outras palavras, se o mesmo tombar, virar ou capotar, o quadro de pára-brisa não vai segurar nada! Além do já comum Santo Antonio, é interessante a instalação de um sistema de Gaiola no JEEP. A "Gaiola" nada mais é que um Santo Antonio melhorado, um sistema de estruturas metálicas tubulares que protege totalmente a parte superior da carroceria e cabine, e consequentemente os passageiros, inclusive o Zequinha. O equipamento é fixado por parafusos, e vem da parte de trás da carroceria, até antes do quadro de pára-brisa, com uma eficiência mais que comprovada. Além disso, na minha opinião, o visual do carro fica ainda mais agressivo.

Devido às situações adversas do terreno, não raro acontecem capotamentos, derrapagens bruscas e batidas em barrancos ou em árvores. Se no JEEP houver cinto de Segurança de 3 ou 4 pontos, o risco de ferimentos diminuirá sensivelmente. Assim como também, no caso de acontecer um curto circuito nas instalações do JEEP, uma simples chave geral de acionamento elétrico salvaria a pátria. Quando se pensa e principalmente se faz algo em relação à segurança, mostra-se que, além de um crescimento interior, a pessoa realmente se preocupa consigo mesma e com os que estão a sua volta, coisa rara hoje em dia. Pense no Assunto.

ATRIBUIÇÕES DE UM ZEQUINHA

Zequinha", para quem, ainda não sabe, é aquele singular passageiro do Jeep alheio, felicíssimo por conseguir uma carona e, assim, vivenciar aventuras incríveis, por lugares onde tudo pode acontecer. Santa ingenuidade! A não ser que o banco traseiro esteja entulhado de coisas indispensáveis, tais como: Barraca, Comida, Fogareiro, Ferramentas, Galão de água, Isopor abarrotado de Cerveja é claro, etc.

O Zequinha costuma ser um Companheiro até muito bem-vindo, desde que, lógico, siga a risca o Manual de Conduta do bom Zequinha, que se resume mais ou menos em: Abrir e Fechar todas as Porteiras que aparecerem pelo caminho, descer do carro para ligar a roda-livre, puxar o cabo do guincho e encontrar um bom ponto de ancoragem, abastecer o Piloto e o Navegador de água, refrigerante e principalmente Cerveja e Comida a vontade, durante a viagem, e nunca, em hipótese alguma, reclamar de nada, deve estar sempre bem humorado. É uma função bastante Nobre, pois tudo o que não seja dirigir e roteirar é de sua inteira responsabilidade, e deve ser cumprida com precisão e Lealdade. Boa Performance e Desempenho numa Incursão OFF-ROAD é primordialmente seu LEMA.

A Grande saida para um Bom e Eficiente "Zequinha", é adquirir um JEEP, e sair de vez dessa vida de Bom e Cumpridor dos deveres de um Zequinha.

Volta p/ pagina inicial..

1