VIVIR DE LUZ

LA PRIMERA REVOLUCIÓN SUAVE DE LA ERA DE ACUARIUS

TEXTOS EN PORTUGUÉS

EL PROCESO DE EVELYN LEVY

(Fundadora de la Escuela Iniciática "Vivendo de Luz" y esposa de Steve Torrence )


EVELYN LEVY TORRENCE

Como me envolvi no processo não alimentar.

eve2.jpg (15368 bytes)  

No dia 28 de junho de 1998, parti para uma peregrinação pessoal para Machupicchu no Peru. Estava sentindo uma necessidade enorme de reencontrar os meus valores reais e mudar a minha conduta de vida humana e minha consciência fortemente me levou para aquela Montanha.

Minha missao no Peru, que foi orientada pelos mentores em minha consciência, me disseram para não levar dinheiro, e mesmo assim, conseguir ir e voltar tendo cumprido a tarefa de chegar até a cidade "perdida" do Incas.

o dia 28 de junho de 1998, parti para uma peregrinação pessoal para Machupicchu no Peru. Estava sentindo uma necessidade enorme de reencontrar os meus valores reais e mudar a minha conduta de vida humana e minha consciência fortemente me levou para aquela Montanha.

Minha missao no Peru, que foi orientada pelos mentores em minha consciência, me disseram para não levar dinheiro, e mesmo assim, conseguir ir e voltar tendo cumprido a tarefa de chegar até a cidade "perdida" do Incas.

Foi nesta viagem que pela primeira vez vive a experiência de não me alimentar. Fiquei 5 dias no Peru e o único alimento que recebi me foi oferecido pelo guarda do parque de Cusco no meu primeiro dia de viagem, depois que contei/lhe sobre minha "missão pessoal". Não tinha dinheiro para comer e por isso não comi e nem pensei no assunto.

Vive nesta viagem experiências muito estranhas, diferentes e fortes. Algumas ainda estão sendo processadas na minha memória humana para um melhor entendimento de minha parte.

Depois desta viagem, comecei a me dedicar mais profundamente aos estudos sobre imortalidade, viver de luz e sobre o poder da água. Estava começando meu relacionamento com o Steve e ele sempre foi muito cético a respeito de temas desconhecidos inexplicados.

Em Cusco, onde fiquei sitiada, passava o tempo andando pela cidade, visitando lugares históricos gratuitos, lendo, lendo e lendo o livro que foi selecionado para mim, chamado: Os Códigos Secretos do Universo - Signos Estrelares - Um guia prático para a nova era. De Linda Godman

Comecei a entender melhor uma outra dimensão de vida e compreendi definitivamente por que todos nós podemos mudar as proprias vibrações, sintonizando-se com outros níveis existenciais, percebendo assim outras formas de vida.

Passe a viagem observando a reação de minhas células, meu corpo não sentia fome e eu não estava me alimentando, apenas bebiendo água. Imaginei que fosse a folha de Coca que me aconselharam a ficar mastigando devido a pressão e a altitude, é comum para os Peruanos mastigar folha de coca, não mascava com freguência e mesmo assim não sentia fome... Minha primeira experiência não alimentar foi muito natural. O que mais pude perceber foi que a minha sensibilidade ficou muito mais apurada sem a ingestão da comida.

Fui e voltei sem problemas, cumpri a minha "missão pessoal". Nesta viagem passei por diversas experiências mágicas completamente sozinha.

Foram dias de silêncio, meditação, leitura e muito aprendizado. Recebi supervisão constante dos meus mentores astrais e agradeço a eles o auxilio nas informações.

Nesta viagem me foram revelados muitos segredos.

Passada a viagem a minha vida mudou completamente...

Me casei de corpo, alma, coração, mente, energia e espirito por um homem muito especial e perfeito para mim.

Mudei de pais, mudei de vida e mudei de vibraçao pessoal.

Com o tempo, fui cada vez mais tocando nos assuntos metafísicos com o Steve, que sempre foi muito pratico e científico em relação a vida. No começo parecia que estava falando Grego com ele, mas com a ajuda de livros, as informaçoes começaram a ir fazendo sentido para o Steve e hoje ele se tornou um catedrático nos temas relacionados a existência humana.

Os livros que o Steve começou a ler foram:

A Vida e os Ensinamentos dos Mestres do Extremo Oriente, os livros de Carlos Castaneda e as obras originais de Saint Germain.

Começamos a entender com mais detalhes sobre a possibilidade real de termos controle sobre nós mesmos e de como administrar totalmente a própria energia vital.

Já havia estudado e praticado bastante a absorção da emergia prânica, mas nunca havia de fato me entregue a essa energia como sendo a única fonte realmente necessária para a nossa sobrevivência.

Conhecemos em abril de 1999, via online uma Australiana que publicou um livro chamado "Vivendo da Luz". Neste livro Jasmuheen ensina um processo que ela chama de "21 day Process", onde, segundo ela, consiste em cada um provar para si mesmo que é capaz de viver perfeitamente bem sem o alimento físico, se assim acreditar de coraçao.

O Steve disse que iria praticar o Viver da Luz imediatamente, com ou sem o meu apoio.

Tentei convence-lo de não saltar tão rápido, pois achava que estávamos atolados de coisas para fazer no campo empresarial. Ele insistiu e disse que faria sozinho, pois estava disposto a se tornar capaz de fazer tudo ao mesmo tempo. Eu não podia deixar de acompanhar o meu marido nesta experiência tão importante para nossas vidas. Mesmo tendo a princípio me dado um tempo maior para me preparar, resolvi me lançar na experiência não alimentar com todo o poder de minha vontade. Afinal, quem conseguiu ficar 5 dias sem comer, conseguiria ficar a vida toda. Começanos nossa experiência em maio de 1999.

Tivemos que lidar com muitos obstáculos pelo caminho, inclusive com a justiça americana. Quase fomos mentalmente interditados pela familia do Steve, cometemos o erro de comentar sobre nosso processo não alimentar com pessoas erradas. Porém, conseguimos superar todos os desafios da ignorância alheia, abrindo com nosso amor uma nova condição de vida para nós. De minha parte, sempre recebi carinho, apoio e força de minha família e amigos. Me sinto muito privilegiada por ter nascido dentro de um ambiente consciente e livre. Com certeza isso ajuda muito no processo. Agradeço aos que amo pela confiaça em mim depositada.

Hoje eu e o Steve somos convidados para palestrar em diversos lugares nos Estados Unidos, são clínicas, Universidades e um seleto público consciênte que quer receber as informações sobre essa realidade orgânica humana. No Brasil, vamos começar a divulgar essas tecnicas em diversos ciclos de palestras.

E assim... Não mais me alimento desde maio de 1999...

Mais detalhes sobre nosso processo não alimentar e alguns esclarimentos sobre as dúvidas mais constantes das pessoas podem ser lidos nos links abaixo e encontram-se a disposição de todos neste site.

Que a luz ilumine a TODOS!

Meu diário do Processo de 21 dias

FAQ about not eating

Meu site pessoal

 

¿QUE ES LO QUE ES VIVIR DE LUZ?

                                                                                                                                                  09/26/02


Queridos amigos,

Durante 3 anos muitos vem empregando o termo viver de luz para identificar a forma de viver sem a necessidade de alimentos sólidos. Com o passar do tempo e com a divulgaçao da informaçao através de diversas diferentes fontes, o termo viver de luz acabou se transformando em sinônimo de chacota para uns e  de superioridade para outros.

Ambos os sinônimos estao equivocados.
Os que chacotam o termo, chamam o viver de luz de maluquice, mentira, charlatanismo e irresponsabilidade entre outros coisas mais grosseiras.


Os que acreditam que viver de luz faz  com que os seres se tornem superiores, acabam se perdendo em suas crenças e mistificando a simplicidade do termo.


Na verdade, viver sem os alimentos sólidos nao é o mais dificil, mais complicado é viver na profundidade de seu interior, tendo que se relacionar com a superficialidade do exterior.


Quando retiramos os "nutrientes físicos" e substituimos isso pela energia vital, acabamos sutilizando tanto o corpo físico que o corpo etérico acaba se desligando da matéria com muita facilidade. Esse desligamento pode ser arriscado em algumas situaçoes de vida.


Agora entendo porque os mestres vivem em templos isolados de tudo e de todos, por muito menos, meu corpo também sente a mesma vontade de isolamento.


Viver de luz nos faz viver em corpo etérico.
O corpo etérico é tao puro e limpo, que nao se afiniza magneticamente com a impureza e poluiçao das cidades.
Quanto mais sutil for o corpo físico, menos ele se conecta a matéria e mais se conecta ao etérico.
Só quem de fato vive de luz sabe o que isso significa na prática do dia a dia.

Poderia usar como comparativo para tentar explicar o que é viver no campo etérico em sociedade, o mesmo que imaginar uma pessoa que mora numa casa linda e harmoniosa, ir viver num barraco sujo numa favela, simplesmente nao há atraçao magnética.


O corpo etérico nao se sente atraido pelo dia a dia da sociedade e para manter a conecçao com o mundo físico, a pessoa que vive de luz  começa a usar "âncoras", para poder continuar "vivendo socialmente".


As âncoras sao elementos físicos que trazem o corpo etérico para o corpo físico, puxando a energia para a Terra.


Sal é âncora(a mais utilizada), glicerina é ãncora, cafeina é âncora, amido é âncora, ervas sao ãncoras.
Estive estudando sobre as "ancoras" nos últimos meses e com o auxilio de alguns amigos catedraticos, encontramos a resposta para o porque da utilizaçao dessas âncoras físicas, como forma de continuar convivendo em sociedade.


Sem elas, sentimos vontade de fazer o mesmo que Francisco de Assis fez; sair nu pelas ruas da cidade falando com arvores e animais como se ninguem mais existisse. Ele fez isso depois de ficar dois anos sem se alimentar.


As "ancoras" nos mantêm sociáveis em diversos níveis energéticos.


Viver de luz é muito mais do que parar de comer.


Parar de comer é como parar de fumar ou beber alcool. Comida não é tão necessário quanto fomos levados a acreditar, mas com certeza é o maior e mais lucrativo vício de nossa sociedade. Comida ocupa 70% do pensamento das pessoas e consome em média 45% de sua renda.


Porém, ninguem percebe o poder convincente dessa poderosa indústria alimentíssia que junto com a industria farmaceutica, criam um mundo obeso, frustante, doente e cheio de esgotos, depositos de lixo e fossas para descarregar todos os detritos gerados pelo habito alimentar da humanidade.

O ser que aprende a nao mais necessitar da comida como sendo algo vital, fica livre para optar em degustar  o que quiser sem se preocupar com nutrientes, calorias, proteinas, carbo hidratos e todos esses extras  externos desnecessários que só causam males a saude.


O ser que tem consciencia da nao necessiade alimentar, sabe que um pedaço de chocolate além de ser mais prazeroso,  faz menos mal do que um prato de arroz, feijao, ovo, bife e batata.


A ancora da cafeina e da glicerina que o chocolate contem, sao sufientes para fazer a pessoa se ligar de forma mais material em sua rotina e resposabilidades sociais.


Fiquei sem as âncoras por algum tempo e pude sentir claramente a ausência de meu ser interno com o mundo externo. Quase perdi a conecçao.


Meu corpo etérico buscou na arte e na música a reconecçao com o mundo, mas nao consegui me ligar e por isso, meu Eu Superior me fez entender o porque das âncoras fisicas.

Viver de luz é interiorizar a vida.
Viver de luz é se conhecer sem medo.
É viver suas emoçoes e sentimentos sem mentiras ou ressentimentos.
Viver de luz é se libertar das algemas do mundo e das necessidades da sociedade.
Viver de luz é praticar o bem, exercitar a alegria a  e se nutrir de felicidade.

Viver de luz nao é apenas parar de comer... Isso é facil, mais de 3 mil pessoas no Brasil já experimentaram ficar voluntariamente 21 dias sem se alimentar. Algumas ficaram meses e até anos sem ingerir alimentos solidos.


Muitas dessas pessoas voltaram a comer socialmente e estao felizes com o novo estilo de vida de comer por prazer e nao mais por necessidade,  todas as pessoas que passaram pelo processo sabem que quem fica 21 dias sem comer, pode fica 210, 2100, 21000...0000000. Chamamos esse conhecimento interno de reprogramaçao organica.

Chamamos de luz o poder da vida.
Se tiramos a carne e damos uma cenoura, o ser se adapta.
Se tiramos a cenoura e damos  a maça... O ser se adapta
Se tiramos a maça e damos apenas o suco... O ser se adapta.
Se tiramos o suco e damos agua... O ser se adapta.
Se tiramos a luz que nos dá a carne, a cenoura, a maça e a agua... O ser morre.
Viver de luz nao é viver sem  se alimentar, mas sim ter consciencia do que realmente nos alimenta.

Nao comer nao faz ninguem melhor do que ninguem... Se fosse assim, todos os miseráveis que morrem de fome no mundo deveriam ser santificados.


Quando paramos de comer voluntariamente, devemos estar preparados para muitas mudanças internas.


As emoçoes e os sentimentos nao mudam, o que muda é a forma de sentir e lidar com essas emoçoes e sentimentos que fazem parte dos impulsos energéticos humanos. Quando o ser nao esta preparado para lidar consigo de forma verdadeira, ele acaba caido na armadilha do eu inferior (ego) e acaba se sentindo superior ao outro, negando seus sentimentos inferiores.


Viver de luz nao transforma o mal em bem, porém se o mal tomar consciencia de suas maldades e perdoar a si  mesmo por elas, entao ele poderá estar livre para realizar o bem. Isso pode acontecer com que se alimenta ou nao.
Viver de luz é uma opçao de vida, um estilo de ser... Nada mais do que isso...

A grande maioria das pessoas nunca ficou mais do que 24 horas sem ingerir alimentos...
A grande maioria das pessoas nao consegue se quer considerar a possibilidade de ficar 48 horas sem ingerir alimentos...


Para a maioria das pessoas, viver de luz é comer lâmpadas...
Ou é viver olhando para o sol...
Ou viver é como sendo santo...
Ou é viver sem prazeres...
As opinioes dos que nao sabem o que é viver de luz sao muitas...

Para mim, viver de luz é simplesmente viver minha vida o melhor possivel, dentro de qualquer situaçao a mim imposta. Enquanto houver luz, haverá vida... Vivo de luz.

Incondicioalmente,

Evelyn

 

(LOS DESTAQUES EN TAMAÑO DE LETRA Y COLOR SON DEL WEBMASTER)

 
     

trisquel.gif (9669 bytes)Clique aquí para entrar en las instrucciones del PROCESO DE LOS 21 DÍAS:

 

es.gif (109 bytes)

-PREPARACIÓN DEL PROCESO

-1ª SEMANA

-2ª SEMANA

-3ª SEMANA

OTROS TESTIMONIOS DE PERSONAS QUE HICIERON EL PROCESO

LOS PRÁNICOS

Posts Recientes POSTS RECIÉN LLEGADOS AL FORO DE LA ESCUELA INICIÁTICA

 

FORO VIVIRDELUZ clica aquí si quieres entrar en el

Foro de la Escuela Iniciática "Vivendo da Luz", en Español, o dejar un mensaje público para Manuel Castelin

 

 

Páginas Web en Inglés SOBRE  LA

EXPERIENCIA PRÁNICA

 

.

grialux.jpg (22781 bytes)

ESCUELA INICIÁTICA "VIVIENDO DE LUZ"

FOROS Y DEBATES ENTRE PERSONAS QUE VIVIERON EL PROCESO O DESEAN VIVIRLO

(Aprenda Portugués...brpt.jpg (7485 bytes) su cultura complementaria)

 

 

    

cabecera.jpg (86050 bytes)
regresar a INICIO

    DESCARGA GRATUITA DE LIBROS IMPRESCINDIBLES - LINKS

 

pinturas  de MANUEL CASTELIN

Puedes pedir más instrucciones, o un cuidador para vivir a fondo tu cambio de paradigma escribiendo a: VOLVER ARRIBA
castelin@hotmail.com

 

1