OBJETIVOS, METODOLOGIA E AVALIAÇAO
VOLTAR: INDICE


OBJETIVOS GERAIS:

    
Contribuir com a capacitação de terapeutas ocupacionais para desenvolverem ações de intervenção em reabilitação na atenção básica de saúde e na área de inclusão escolar, bem como na utilização de dispositivos de Recursos Tecnológicos (Apoio/Assistiva ou de Assistência) adequadas a essas áreas.


OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

- Refletir sobre os conteúdos teórico-práticos dos temas corpo, deficiência, recursos tecnológicos e intervenção e suas interfaces;
- Refletir sobre as condições de segregação, exclusão social e acessibilidade e bens materiais e culturais das pessoas com deficiência no
   contexto social brasileiro;
- Conhecer os diferentes modelos tecno-assistenciais de atenção à pessoa com deficiência no campo da saúde pública tendo em vista os 
   conceitos e as práticas que os fundamentam;
- Conhecer as propostas e pressupostos teóricos das ações de Inclusão Escolar de pessoas com deficiência;
- Conhecer as diferentes modalidades de intervenção de terapia ocupacional em reabilitação na atenção básica e na inclusão escolar;
- Apropriar-se e elaborar estratégias resolutivas no campo dos recursos tecnológicos voltados para as pessoas com deficiência, adequados
   ao contexto da saúde pública e da rede regular de ensino;
- Refletir e desenvolver ações de trabalho intersetorial junto à pessoa com deficiência e práticas assistenciais interdisciplinares voltadas à
   incorporação dessa população nos serviços de saúde e de educação;


METODOLOGIA DE ENSINO

    
Serão realizadas aulas teóricas, teóricas-práticas, expositivas e dialogadas, estudo de bibliografia recomendada, oficinas de reflexão, seminários, palestras, discussão de casos, atividade prática dirigida, trabalho de conclusão de curso.
     Atividades discentes: leitura de textos, participação em discussões e em oficinas, relatórios de atividades práticas dirigidas, elaboração de seminários de estudos de casos, de monografia de conclusão de curso e de artigo para publicação.



AVALIAÇÃO (aspectos gerais) e FREQÜÊNCIA MÍNIMA:

    
Serão considerados os aspectos relativos à:
- Assiduidade e Participação: presença obrigatória em 85% das aulas;
- Pontualidade no desenvolvimento das atividades propostas no curso: cada módulo organizará uma avaliação escrita, a ser elaborado no
   horário de atividade prática, bem como relatórios e seminários que subsidiarão a avaliação dos alunos;
- Monografia final/artigo para publicação: a ser elaborada, em duplas de alunos, a partir dos conteúdos trabalhados nos diferentes módulos e    orientado pelos professores responsáveis;
- A nota final para aprovação será 7.0 (sete).
1