<BGSOUND src="//www.oocities.org/br/euosou1/a_danca_das_horas.mid" LOOP=INFINITE>
SEM DESTINO
Por Ana Mel

SEM DESTINO


Construi meu caminho

De sonhos e verdades eternas

Onde sou a atriz principal.


Mas na vida, como tudo muda

Me deixou assim, sem destino

E eu me perdi pelo caminho

Das mentiras sedutoras

Dos sonhos não realizados.


Ando agora sem rumo

Á procura de mim mesma

Sem parada, sem morada

Sou andarilha com medo.


Procuro a paz dentro de mim

Nada encontro, apenas turbulência

De minha alma de sonhos

Sobrou apenas carências.


Das verdades eternas que busquei

Restou apenas dissabores

Dos encantos perdidos no caminho

Á procura de grandes amores.


Quero refazer meu caminho

Encontrar a paz que perdi

Refazer meus sonhos e verdades eternas

Mesmo que sejam novas quimeras

Gostosas de sentir.


Recomeçar novamente

Encontrar-te pelo caminho

Sentir a doçura de tua alma

A me guiar prum destino.


Ana Mel

(Respeite os direitos autorais)


***************

Página Inicial                Poesias