AIRCRA >>>> Itajubá

Return Home Business Opportunity
            

       

TOP COOL SITE:       ebookdata.com     - The site with FREE ebook downloads for everybody! 

HOME
» Página Inicial
» Itajubá
Rádio Cidadão
» Serviço Rádio
   Cidadão
» Rádio
» Cabo Coaxial
» Fonte
» Antena
» Lembretes
» Histórico
» Galeria
» Integrantes
Radioamadorismo
» Equipamentos
» Antena
» Telegrafia
» Código Q
» Espectro de
   Frequência
» Código RST
» Potência X
   Propagação
» Hora UTC
» Grid Square
» DX sem Mistério
» DXCC
» VHF História
» Centenário do
   Rádio
» Rodadas para
   Radioamadores

aircpx@yahoo.com.br


POTÊNCIA X PROPAGAÇÃO

 

Ou, se preferir, leia: Sinal x Ruído

    As ondas de rádio são capazes de alcançar distâncias enormes. Nessa caminhada o relevo e a atmosfera podem favorecê-las ou impedi-las, enfraquecendo ou fortalecendo o seu inimigo natural chamado RUÍDO.
    O Ruído existirá sempre e a luta consiste em vencê-lo com algo útil, audível, copiável, que se chama SINAL.
    Quando não houver sinal suficiente escutaremos só o ruído, e o comunicado não se realizará.
    Melhorar a relação Sinal / Ruído, eis o desafio a enfrentar... e ganhar !
    Por isso saiba que...
     1 - Mais Potência no transmissor não necessariamente levará o sinal mais longe, apenas o fará chegar mais forte no destino, se lá o receptor for capaz de distingüí-lo.
    O estágio mais elevado e sublime do radioamadorismo se define por...

    "Mais vale um receptor sensível do que um transmissor potente"

    2 - O que leva o sinal mais longe é a Propagação para determinada freqüência naquele instante.
    Não fosse assim uma estação de rádio comercial, que opera em ondas médias com 100.000 watts de potência, cobriria o mundo todo com seu sinal. Mas isso não ocorre porque durante o dia não existem condições de propagação para este sinal naquela freqüência, e não por faltar potência na transmissão.
    Como à noite melhora sensivelmente as condições de propagação para as bandas baixas, e para que não haja mútua interferência de estações que operam na mesma freqüência, a legislação internacional determina que tais emissoras (broadcasting) reduzam a potência do transmissor até para um décimo daquela irradiada durante o dia. Na maioria dos casos com 10% da potência diurna cobrem maiores distâncias à noite, graças à Propagação.
    Como nós radioamadores normalmente trabalhamos somente dezenas de watts, a meta a perseguir pelo autêntico experimentador baseia-se no slogan dos QRPistas (operadores de baixa potência):

    "Atingir a maior distância imaginável com a menor potência possível"

    3- Então o truque para otimizar o desempenho de uma estação consiste em dosar a irradiação do sinal para as condições de propagação naquela freqüência, naquele momento. A alternativa mais lógica, ANTES DE AUMENTAR A POTÊNCIA, está em concentrar a energia irradiada evitando desperdícios, assim...
    3.1 - estreitar a largura da banda passante; por exemplo, migrando da FM com 10 KHz de largura e elegendo o AM com 6 KHz, o SSB com 2,5 KHz, o CW com 0,5 KHz ou outras modalidades digitais com banda passante até mais estreita.
    O preço que se paga é a queda na fidelidade sonora à medida que se estreita a banda passante.
    3.2 - apontar o sinal para o receptor desejado através de antenas direcionais de ganho maior que a omnidirecional ou a que se estava utilizando.
    O custo disso é a queda de desempenho nos demais quadrantes.
    4 - Aumentar a potência custa caro. Para incrementar uma unidade "S" no essímetro do receptor que estiver nos sintonizando é preciso quadruplicar (multiplicar por 4) a potência. Não esquecer que a diferença entre unidades num essímetro corretamente calibrado é igual a 6 dBs. Na prática isto quer dizer...

    S-7 com 10 watts; S-8 com 40 watts e S-9 com 160 watts

    Saiba que decibéis (uma décima parte do Bell) medem uma relação logarítmica (e não linear) entre grandezas, e o dobro (2 vezes) nessa escala é igual a 3 dBs.
    5 -Um sistema irradiante não acrescenta watts aos que lhe foram entregues. Pelo contrário, descasamentos de impedância, cabos coaxiais, filtros, bobinas, baluns ou qualquer ingrediente aleatório agregado à antena roubam energia empregada pelo transmissor. Portanto, uma antena com ganho relativo maior, que esteja recebendo 100 watts do equipamento, irradiará esta energia (RF) à uma distância também maior, mas não acrescentará nenhum watt a mais aos que lhe foram entregues.
    6 -O Acoplador de Antena não melhora nem ajusta o sistema irradiante , apenas faz coincidir a impedância de saída do transmissor (em geral 50 ohms) com a leitura de impedância na extremidade do coaxial que se conecta ao equipamento. Na prática, engana o transmissor para que ele - enxergando uma ROE de 1:1 - libere toda a sua potência, já que há nele um circuito de proteção que reduz proporcionalmente a quantidade de RF à medida que aumenta a Relação de Ondas Estacionárias (ROE).

Nenhum Transceptor renderá mais do que a Antena em que ele estiver conectado.

    Antena, por definição, é um dispositivo de tamanho finito que serve para transmitir e receber ondas de rádio.
     Converte sinais de Rádio Freqüência vindos por uma linha de transmissão em ondas eletromagnéticas que podem se propagar no espaço livre.
.    Pela sua configuração uma Antena terá polarização vertical, horizontal ou circular.


AIRCRA - Associação Itajubense de Rádio Cidadão e Radioamadores.
Rua Albano de Almeida 424 Bairro Cantina,
CEP 37500-000, Itajubá MG Brasil. CNPJ - 03.857.799/0001-25
QRV - 27,355 Mhz. Am, 145,530 Mhz., Repetidora 146,690 Mhz. -600 Khz.

Fotos do Satélite






  Veja fotos da sua cidade direto do satélite, e também a previsão do tempo para seu município.
Clique na figura acima.
Manuais de Rádio em Inglês

  Manuais para Dawlood de rádios Icom, Kennwood e Alinco.
Clique na figura ao lado.
Repetidora AIRCRA.
Conheça a caçulinha do Sul de Minas, Repetidora AIRCRA. Itajubá MG.
Clique na figura.
Livro de Visitas

Assinar

Ler

.  
  LINKS INTERESSANTES    Anatel | Icom | Kenwood | Alinco | Yaesu | Motorola | Electril | Soundy
This site is copyright © 2001 - Ari Rodrigues de Almeida PY4ITJ

height=10 src="spacer.gif" width=1 border=0>