Capítulo "Alexandre Carlos Pierre" nº 308 da Ordem DeMolay


[ J. DeMOLAY ]   [ OS TEMPLÁRIOS ]  [ AS CRUZADAS ]  [ INQUISIÇÃO ]  [ REI FELIPE ]

Tio Frank Sherman Land


 
Frank Sherman Land, o nosso "Dad Land", fundador mundial da Ordem DeMolay, nasceu em Kansas City, Missouri, Estados Unidos da América, em 21 de junho de 1890. Desde criança era muito religioso, estudou na Escola Dominical da Igreja Congregacional de Fountain Park, em Saint Louis, onde recebeu uma Bíblia como símbolo dos seus incessantes serviços à população e por ter dez anos de freqüência ininterrupta na Escola. Esta Bíblia passou a ser um grande símbolo da Ordem DeMolay, pois com as mãos sobre ela os primeiros DeMolays fizeram seus juramentos.

Com dez anos de idade, Land montou uma classe para jovens e teve muito êxito, passando a ser chamado por todos de "O Menino Ministro de St. Louis". 

Completou seus estudos em Kansas City e fazia parte de atividades religiosas e cívicas. Ao completar 21 anos tornou-se Presidente da Liga Municipal de sua cidade.

Aos 22 anos de idade tornou-se maçom, assim como seu avô, sendo iniciado na Loja Simbólica Ivanhoé nº 446. Casou em 15 de setembro de 1913 com Nell Madeleine Swiezewski na Igreja Presbiteriana de Budd Park. 

Aos 25 anos foi nomeado Diretor do Bureau de Serviços Sociais do Rito Escocês Antigo, foi então que percebeu que os jovens de sua cidade estavam desamparados e pensou em montar uma organização para eles. Em 1919 conheceu o jovem Louis Lower, que havia perdido seu pai em um acidente de caça, e lhe deu seu primeiro emprego. Foi então, que conversando com Lower e conhecendo suas necessidades, Frank Land resolveu pedir-lhe que convidasse mais alguns jovens na mesma situação que ele, para formarem um grupo. Inicialmente nove jovens formaram este grupo. Eles eram: Louis Gordon Lower, Ralph Sewell, Elmer Dorsey, Edmund Marshall, Jerome Jacobson, William Steinhibler, Ivan Bentley, Gorman McBride, Clyde Stream. 

A nova organização compreendia jovens de 13 a 21 anos e o satisfez tanto que Land resolveu deixar seu emprego para dedicar-se inteiramente à Ordem, tornando-se o grande Secretário da Ordem DeMolay. Foi difícil derrubar os tabus de maçons mais antigos que não admitiam jovens em seus Templos, pois tratava-se de uma entidade muito conservadora, mas Land conseguiu cumprir com seus ideais.

Em 1931 foi Presidente do Conselho DeMolay dos Cavaleiros Kadosch e presidiu o Templo Ararath da "Ancient Arabic Order of the Nobles of the Mystic Shrine" . Aos 35 anos recebeu o Grau 33 da Maçonaria (R.E.A.A.). Aos 41 anos foi eleito Grão-Mestre da Grande Loja de Missouri. Em 1954 assumiu o cargo de Potentado Imperial do Conselho Imperial do "Shrine" da América do Norte, e em 1955 foi premiado com a primeira medalha de ouro internacional do "Arco Real", pelo General do Grande Capítulo dos Maçons Antigos e Aceitos do Arco Real (do Rito York). Foi designado "Cidadão Extraordinário" pelo Presidente dos Estados Unidos, General Dwinght Eisenhower em 1958.

Land, conhecido como "O Líder entre os Líderes", acabou sendo internado num hospital com um resfriado e logo depois teve um edema pulmonar. 

O "Grande Arquiteto da Ordem DeMolay" passou para junto do "Grande Arquiteto do Universo" em 08 de novembro de 1959. Em seu funeral mais de 1000 pessoas e entre elas os jovens DeMolays que ficaram sem o seu pai que os adotou como filhos, fundando a Ordem DeMolay para que eles tivessem o alicerce para a construção de suas vidas.
1